domingo, 23 de outubro de 2011

Jornal divulga proposta de redação do Enem antes da saída dos primeiros inscritos; tema é "redes sociais"

O jornal O Globo em seu site divulgou o tema da redação do Enem 2011: "Viver em rede no século 21: os limites entre o público e o privado". A nota foi publicada no site com horário de 13h59 - a reportagem do UOL visualizou a matéria pela primeira vez às 14h34. Os primeiros candidatos só poderiam começar a sair dos locais de prova às 15h.

Veja fotos do Enem 2011 pelo Brasil


Foto 57 de 166 - 22.out.2011 - Um fotógrafo contratado pelo UOL para fazer a cobertura do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2011 em Fortaleza entrou em algumas salas de prova da Uece (Universidade Estadual do Ceará) neste sábado (22). Sem ser avisado de que não poderia fazer imagens no local, ele seguiu fazendo fotografias, até que um fiscal de prova pediu para que o fotógrafo se retirasse -- o que ele fez prontamente

Veja fotos por Estado e UF: SP; RJ; MG; PR; DF; RS, CE e PA Mais UOL

NOTA DO MEC/INEP

O INEP informa que o tema da redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) só foi tornado público após as 13 horas, ou seja, depois das provas terem sido distribuídas para os cerca de quatro milhões de estudantes que realizam o Enem nesse domingo (23). Não houve nenhuma quebra de sigilo. O tema passou a circular nas redes sociais e em alguns portais de conteúdo a partir das 13h59, sem qualquer interferência no sigilo e na realização da prova.
Assessoria de Comunicação Social MEC/Inep, às 17h20

Segundo a editora do site de Educação e do Megazine, Valquíria Daher, o tema foi passado por um estudante. "Um aluno que estava dentro de um local de prova passou o tema", afirmou Daher. A jornalista contou que o estudante conseguiu se comunicar com a redação do jornal. Mas não quis explicar de que maneira, uma vez que os inscritos só podem sair da prova às 15h e não podem se comunicar com ninguém. Às 16h50, Daher entrou em contato com a redação para "acrescentar" que o informante era um repórter "na condição" de candidato.

Questionado, o MEC (MInistério da Educação) confirmou o tema. Segundo a pasta, isso não configura quebra de sigilo da prova, uma vez que o tema foi divulgado depois de o início da mesma. Para o MEC, o fato não configura falha na segurança.

Proposta


Segundo a nota do site, "os textos de referência são os artigos "Liberdade sem fio", da revista "Galileu" e "A internet tem ouvidos e memória", do portal Terra". Eles ainda citaram uma tirinha do cartunista André Dahmer, da série "Quadrinhos dos anos 10" -- esta última informação confirmada por estudantes ouvidos pela reportagem do UOL em Porto Alegre.

Os cadernos serão divulgados oficialmente na noite deste domingo.

Segurança


Apesar de o Ministério da Educação afirmar que o Enem tem uma equipe de fiscais cadastrados e previamente treinados, a realização do primeiro dia do exame contou com "voluntários" escolhidos sem critério, na porta do local do exame. Cerca de 30 pessoas foram selecionadas em uma repescagem em que o único critério foi apresentar o documento original de identificação. O repórter Paulo Saldaña, do jornal O Estado de S. Paulo, foi um dos que, com RG na mão, entrou na fila e garantiu uma vaga para a fiscalização. No local, havia 8 mil candidatos inscritos.


No primeiro dia, um fotógrafo contratado pelo UOL para fazer a cobertura do Enem 2011 em Fortaleza entrou em algumas salas de prova da Uece (Universidade Estadual do Ceará). O momento em que pediram para que ele se retirasse foi a chegada dos pacotes lacrados com a prova.  Em instruções distribuídas pela assessoria de imprensa do MEC na sexta-feira, não seriam "autorizadas, por motivo de segurança, imagens internas dos locais de prova". Ainda alegando motivos de segurança, a assessoria de imprensa não divulgou os locais com maior número de inscritos para o UOL, como havia feito em anos anteriores.


Nenhum comentário: