segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Novas unidades de IFRN devem ser licitadas até dezembro

Da esquerda para direita: prefeitos Peixoto (Ceará-Mirim), José Azevedo Lopes (São Paulo do Potengi), Wellinson Dantas (Canguaretama), reitor da IFRN Belchior, Fátima Bezerra e superintendente Yeda Pereira
O reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), Belchior de Oliveira Rocha, afirmou nesta segunda-feira (22) que as licitações das novas unidades do Instituto em Ceará-Mirim, Canguaretama e São Paulo do Potengi devem ser concluídas até dezembro.

Ele se reuniu com os prefeitos das três cidades, Antônio Peixoto (Ceará-Mirim), José Azevedo Lopes (São Paulo do Potengi), Wellinson Dantas (Canguaretama), a superintendente do Patrimônio da União no Rio Grande do Norte, Yêda Pereira e a deputada federal Fátima Bezerra na reitoria do IFRN para discutir a cessão dos terrenos onde funcionarão os campi.

“A questão dos terrenos está tranquila. Nós já definimos as áreas de Ceará-Mirim e Canguaretama. Vamos visitá-las amanhã e depois para escolher o local. Em São Paulo do Potengi nós vamos pegar um terreno que era da União e foi cedido ao município”, explicou Yêda Pereira.
Belchior, Yêda Pereira, Wellinson Dantas e Adriano Gadelha estudam mapa dos terrenos.
A reunião foi articulada pela deputada federal Fátima Bezerra (PT), autora dos requerimentos que resultaram na inclusão das cidades na terceira fase do Programa de Expansão da Rede Federal de Ensino Técnico e Profissionalizante, anunciado dia 16 pela presidenta Dilma Rousseff.

“Vamos avaliar se os terrenos têm viabilidade técnica de construção e, depois que eles passarem para o IFRN, iniciamos o processo licitatório. Esperamos que esse processo seja concluído até dezembro”, calculou Belchior de Oliveira Rocha.

Fátima Bezerra solicitou que a burocracia em torno da cessão dos terrenos seja ágil para que a construção inicie logo. “Nós somos o estado que, proporcionalmente, mais tem unidades de Ifets do país, e isso tem muito a ver com a equipe competente que temos aqui”, disse.

O IFRN foi objeto de emendas da presidenta da Comissão de Educação e Cultura nos últimos três anos. O número de unidades do Institutono estado saltou de duas em 2003 para 15 em 2011 – em 2012, provavelmente, Canguaretama, São Paulo do Potengi e Ceará-Mirim também estarão na lista.

Assessoria de Imprensa
Dep. Federal Fátima Bezerra - PT/RN
Luana Ferreira 

Rejane Medeiros
Pedro Filgueira 

Nenhum comentário: