quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Liedson desencanta no Pacaembu, Corinthians vira sobre o Flamengo e segue no topo

Liedson voltou a ser herói no Pacaembu, seu palco preferido para balançar as redes pelo Corinthians. O camisa 9 marcou dois gols e garantiu a vitória de virada por 2 a 1 sobre o Flamengo, na noite desta quinta-feira, resultado que mantém a equipe alvinegra na liderança do Campeonato Brasileiro.


O time carioca abriu o placar com Deivid, aos 28min do primeiro tempo. Só que Liedson fez as pazes com o gol e encerrou um jejum de mais de 70 dias sem marcar no Pacaembu (a última vez ocorrera durante a goleada por 5 a 0 sobre o São Paulo, em junho). Anotou aos 17min e aos 43min da etapa final 

Com o triunfo em casa, o Corinthians retoma a liderança, que ficou com o São Paulo por pouco mais de 24 horas. O time do técnico Tite soma 43 pontos, contra 41 do rival do Morumbi e do Vasco.

Já o Flamengo acumula sete partidas sem vencer, tem 36 pontos e é o quinto colocado. A vaga para a Libertadores começa a ficar ameaçada, já que Fluminense e Palmeiras vêm atrás com 34.

No embalo do “bando de loucos”, os donos da casa tomaram conta da partida desde o primeiro minuto. Foram cinco jogadas de perigo antes dos 20min, com finalizações de Sheik, Paulinho e Alex.

Retraído na defesa, os visitantes sofreram para superar a forte marcação corintiana e chegaram pouco ao campo ofensivo. Entretanto, demonstraram mais eficiência.

Corinthians x Flamengo


Foto 11 de 16 - Corintianos correm para celebrar o prinmeiro gol do atacante Liedson Nelson Almeida/UOL

Aos 22min, Liedson cabeceou com estilo, e Felipe fez uma grande defesa. Cinco minutos depois, o Flamengo respondeu com um chute de fora da área de Thiago Neves. Julio Cesar espalmou pela linha de fundo.


Na sequência, aos 28min, Ronaldinho Gaúcho cobrou escanteio fechado, Renato Abreu desviou de cabeça e Deivid, sozinho no segundo pau, só teve o trabalho de tocar para o gol vazio.

O time alvinegro acusou o golpe e passou a ter problemas para criar no ataque. “O time estava bem até o momento do gol. Precisamos de maturidade para voltar para o jogo”, comentou Emerson Sheik, na saída para o intervalo.


“Temos de procurar movimentar, trabalhar bem a bola. O que eles queriam conseguiram, que era um gol de bola parada. Não pode abaixar a cabeça”, analisou o capitão Chicão.

“Marcamos bem, mas precisamos perder menos a bola para chegar mais perto do gol do Julio Cesar”, opinou do outro lado o centroavante Deivid.


Na volta para o segundo tempo, a torcida corintiana gritou “vamos jogar bola, vamos jogar bola”.


Aos 11min, Tite tirou Jorge Henrique, apagado, para a entrada de Willian, e o time alvinegro cresceu. Aos 15min, Chicão carimbou o travessão em uma cobrança de falta.

Dois minutos depois, Alessandro jogou a bola na área, em cobrança de lateral, a defesa do Flamengo afastou mal, Liedson aproveitou a sobra e bateu de primeira, no canto do gol de Felipe.


O Corinthians cresceu, foi pra cima, e Felipe realizou grande defesa após chute forte de Willian, que invadiu a área pela direita após assistência de Alex.

Aos 43min, Willian cruzou e Liedson finalizou de primeira.

Carlos Padeiro
Em São Paulo

Nenhum comentário: