segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Grafith grava 8º DVD e encerra o Carnaval de Macau

A banda Grafith vai passar os 4 quatro dias de Carnaval em Macau, onde puxa um dos quatro trios elétricos que fazem o arrastão do Mela-Mela - ponto alto da programação de momo da Terra das Salinas. A novidade fica por conta da gravação do oitavo DVD do grupo que acontecerá em plena segunda-feira de Carnaval, onde são esperados cerca de 250 mil foliões no percurso de 6,5 quilômetros, que circula a cidade pelo novo Anel Viário.

A banda potiguar será também responsável pelo encerramento da folia macauense, no Largo de Eventos Mestre Avelino, onde se apresentará a partir das 2h da quarta-feira de Cinzas.

Sobre a banda
A banda Grafith possui uma carreira de grande longevidade, comprometimento, experiência e convivência familiar. A Grafith, composta pelos quatro irmãos João Batista - conhecidos como Joãozinho, Luís Cláudio (Kaká), Júnior e Carlinhos -, possui marca registrada tanto no Rio Grande do Norte como em outros estados do Nordeste e vem conquistando fãs em grandes cidades e interiores com sucesso estável, bem como vem mantendo fielmente seus seguidores.

A carreira musical da família iniciou-se ainda na infância, quando Joãozinho resolveu "escapar" da severidade imposta pela educação militar do pai para expressar seu talento e paixão pela música. Passou a tocar guitarra e logo estava em contato com sua primeira experiência em apresentações musicais.

Teve uma passagem rápida na banda Infernais, formado no bairro das Quintas, e logo se firmou na The Shinys como guitarrista e cantor, em 1974. Com o despertar musical de Joãozinho, os outros irmãos, que também possuíam interesse pela música, decidiram seguir seus passos, sempre sendo questionados pelo pai, que tinha dúvidas se a música traria algum futuro e retorno financeiro para eles. Segundo os irmãos, o maior medo do pai era que os filhos acabassem possuindo algum vício, muito comum ao ambiente musical, o que não aconteceu.

Após a saída de Joãozinho do The Shinys, Luís Claúdio de Lima, o Kaká, foi chamado para substituir o irmão. Joãozinho passou a integrar o Suigeneris, com shows no Estado de São Paulo. Enquanto o precursor Joãozinho se apresentava em programas de televisão, como o do Chacrinha, do Raul Gil, Clube do Bolinha e outros em São Paulo com o Suigeneres, seus irmãos Júnior, Kaká e Carlinhos integravam a banda os Impossíveis, começando, assim, a junção que formaria a futura banda que é sucesso até os dias de hoje. 
Quando Joãozinho voltou a Natal em 1981, recusou o convite do Skema Livre e se juntou aos irmãos e o contrabaixista Jaílson na banda os Impossíveis. Essa nova formação durou até 1987 e, com sua ruptura, surgiu a Banda Grafith.

A banda recém-surgida mantinha o estilo de banda baile e, assim, conquistou fãs que se denominam "nação grafitheira". Novos ritmos foram aderidos, e a banda logo ficou reconhecida por sua diversidade, capacidade de adequação aos mais diversos ambientes - tocando em eventos como formaturas, casamentos, festas, carnaval e shows - e variedade de repertório.

Por onde passa, Grafith arrasta multidões, sendo considerada banda "da massa", de todos os gostos e todas as classes sociais. Com 22 anos de carreira, o grupo tem grande consideração e contato com seus fãs, além de manter sempre a humildade e o contato e apoio dos amigos e familiares, proporcionando, assim, o reconhecimento e o sucesso.



Fonte: Tribuna do Norte 

Nenhum comentário: