segunda-feira, 5 de março de 2012

Críticas de secretário da Fifa foram ‘intromissão indevida’, diz Sarney

Em entrevista à imprensa no início da tarde desta segunda-feira (5), o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP) disse considerar uma “intromissão indevida” as críticas de Jérôme Valcke, secretário-geral da Fifa, sobre a preparação do Brasil para a Copa do Mundo de 2014. Ele também comentou as declarações do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, que rebateu as críticas e disse que pedirá à entidade a substituição de Valcke na interlocução com o governo.
- Acho que o ministro Aldo Rebelo não falou somente em seu nome, nem do ministério, nem do governo brasileiro, mas falou em nome de todo o povo brasileiro e do nosso sentimento dessa intromissão indevida, da maneira grosseira como foi feita – disse Sarney.
Valcke afirmou na última sexta-feira (2) que o país não estava organizando a Copa do Mundo como deveria e, por isso, seus dirigentes mereciam “um pontapé no traseiro”.
 Rodrigo Baptista / Agência Senado
Agência Senado

Nenhum comentário: