quarta-feira, 16 de julho de 2014

Luiza termina viúva e sozinha, e ninguém chora a morte de Laerte

Gabriel Braga Nunes (Laerte) e Bruna Marquezine (Luiza) em cena de Em Família, da Globo 


Luiza (Bruna Marquezine) terminará viúva e sozinha na novela Em Família, da Globo. No último capítulo, nesta sexta (18), ela ficará poucos minutos casada com Laerte (Gabriel Braga Nunes), que morrerá na porta da igreja em seu colo. 

O músico será assassinado por Lívia (Louise D’Tuani) com um tiro. Assim, o casal, que foi rejeitado pelo público, será punido no final da novela das nove.

O flautista não terá cenas de enterro nem pessoas lamentando sua morte. Na porta da igreja, somente Luiza e Shirley (Vivianne Pasmanter) deixarão algumas lágrimas rolar em seus rostos. Selma (Ana Beatriz Nogueira) terá um dos seus esquecimentos ao ver o filho morto. Ela fará o sinal da cruz e perguntará a Chica (Natália do Vale): “Quem é?”
Em seguida, haverá um salto no tempo, que deve ser de quase um ano. O telespectador verá que a vida seguiu. Selma e Shirley surgirão em cena se encontrando no túmulo de Laerte, mas sem demonstrar sofrimento ou tristeza.

“Shirley! Pensei que você não viesse mais”, dirá a mãe do flautista. “Você sabe que eu não passo por Goiânia sem passar por aqui”, responderá a loira.

As duas terão uma conversa trivial, e a milionária chamará Luiza de “viuvinha”. A filha de Helena (Julia Lemertz) se comportará como uma viúva nos seus últimos momentos no folhetim. Ela aparecerá falando de Laerte como o grande amor da sua vida e olhando um quadro com a foto dele no Galpão Cultural.

Até sua avó, Chica, a chamará de viúva num diálogo com Helena, que estará contando sobre a viagem que fará com Virgílio (Humberto Martins) e Luiza a Paris. “Ah, [Luiza] vai com a gente. Filha solteira tem que acompanhar os pais”, dirá a leiloeira.

“Viúva, você quer dizer”, corrigirá Chica. “Mãe: acha que se pode chamar de viúva, uma menina que ficou casada menos de uma hora?”, questionará Helena.

Repetições
Como aconteceu no sétimo episódio da trama de Manoel Carlos, quando o Laerte de Guilherme Leicam foi preso no altar e o pai da noiva, Ramiro (Oscar Magrini), teve um enfarte fulminante, o casamento de Luiza acabará em tragédia. A sequência conclui uma série de repetições que o autor impôs à jovem. 

Ela teve a mesma paixão de Helena (Julia Lemmertz), enfrentou ataques de ciúme de Laerte iguais aos que a mãe vivenciou e viu também o músico se ajoelhar aos seus pés pedindo perdão.


No capítulo de desta quarta (16), Luiza vai se afogar em um lago no haras de Shirley (Vivianne Pasmanter), que verá a cena imóvel, como ocorreu no passado quando Helena (Julia Dalavia) se debatia em um lago em Goiânia e a pequena Shirley interpretada por Giovanna Rispoli também assistiu à rival se afogar sem fazer nada. O final do afogamento segue o desfecho do primeiro. Luiza é salva por Laerte.

Por MÁRCIA PEREIRA, em 16/07/2014 · Atualizado às 04h57

Nenhum comentário: