quinta-feira, 14 de julho de 2016

Atlético Nacional 2 x 1 São Paulo - Tricolor perde de novo e dá adeus à Libertadores

O São Paulo voltou a perder para o Atlético Nacional e deu adeus à Copa Libertadores. Nesta quarta-feira, o time brasileiro foi derrotado por 2 a 1 no estádio Atanasio Girardot, em Medelín, pela partida de volta da semifinal.
Classificado, o Atlético Nacional enfrenta o vencedor do confronto entre Independiente del Valle e Boca Juniors na grande final. No jogo de ida, o Independiente venceu por 2 a 1 e as duas equipes voltam a se enfrentar nesta quinta-feira, em La Bombonera, em Buenos Aires.

CAMPANHA TRICOLOR
Melhor brasileiro nesta edição da Libertadores, o caminho do São Paulo chegou ao fim. Em 14 jogos, a equipe do Morumbi teve cinco vitórias, quatro empates e cinco derrotas. 
O time de Edgardo Bauza passou pela pré-Libertadores batendo o Universidad César Vallejo com um empate sem gols e uma vitória por 1 a 0. Na fase de grupos, terminou como segundo colado atrás do River Plate na chave que ainda tinha The Strongest e Trujillanos.
Na sequência, o time brasileiro cresceu de produção e bateu Toluca e Atlético-MG nas fases de mata-mata. Contra os mexicanos, uma vitória por 4 a 0 no Morumbi e derrota por 3 a 1 no Nemesio Diez. Contra o Atlético, vitória em casa por 1 a 0 e derrota por 2 a 1 no Independência, em Belo Horizonte.
PRIMEIRO TEMPO EQUILIBRADO
O jogo começou a toda velocidade. Buscando o gol desde o início, o São Paulo abriu o placar com Calleri, aos oito minutos. Michel Bastos cruzou da esquerda e o atacante argentino subiu bem para cabecear surpreendendo o goleiro Armani.
Como precisava de ainda mais um gol para anular a vantagem construída pelo adversário no jogo de ida, a equipe brasileira seguiu se lançando ao campo ofensivo, mas sofreu um castigo no contra-ataque. Com 15 minutos de bola rolando, Berrío deu passe na medida para Borja marcar.
FIM DA JORNADA SÃO-PAULINA
Ainda mais aberto na segunda etapa, para buscar o segundo gol, o time brasileiro deu espaço para os colombianos. Borja, Berrío, Marlos Morena e Macnelly Torres perderam uma série de gols enquanto o São Paulo não conseguia responder.
Após muita insistência, o segundo gol do Nacional saiu aos 32 minutos. Guerra tentou cruzar e a bola bateu no braço de Carlinhos. Borja cobrou o pênalti e marcou seu quarto gol em dois jogos na Libertadores, todos contra o São Paulo.
Após o gol, todo o time do São Paulo reclamou muito com a arbitragem e, na confusão, Lugano e Wesley foram expulsos. Sem tempo para reagir, os brasileiros se fecharam e viram o Nacional trabalhar a bola esperando o apito final.

FICHA TÉCNICA

Fase
Semifinal
Rodada
2ª rodada
Data
13/07/2016
Horário
21h45
Local
Estádio Atanasio Girardot - Medellín (Colômbia) ()
Árbitro
Patricio Polic - CHI

Assistentes
Marcelo Barraza - CHI e Christian Schiemann - CHI

Cartões Amarelos
Atlético Nacional-COL: Mejía, Bocanegra
São Paulo-BRA: Hudson, Centurión, Thiago Mendes, Lugano, Wesley

Cartões Vermelhos
São Paulo-BRA: Lugano, Wesley
Gols
Atlético Nacional-COL: Borja 15' 1T, Borja 32' 2T
São Paulo-BRA: Calleri 8' 1T
Atlético Nacional-COL
Armani;
Bocanegra (Felipe Aguilar), Davinson Sánchez, Henríquez (Diego Arias) e Farid Díaz;
Jonathan Majía, Sebastián Pérez (Guerra) e Macnelly Torres;
Marlos Morena, Miguel Borja e Berrío.
Técnico: Reinaldo Rueda
São Paulo-BRA
Denis;
Bruno, Lugano, Rodrigo Caio e Mena (Carlinhos);
Thiago Mendes, Hudson (Alan Kardec), Wesley e Michel Bastos;
Centurión (Luiz Araújo) e Calleri.
Técnico: Edgardo Bauza

Nenhum comentário: