sexta-feira, 30 de março de 2012

Lei Geral da Copa será votada agora pelos senadores

Rodrigo Baptista

Aprovada pela Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (28), a Lei Geral da Copa (PL 2330/11) será agora examinada pelos senadores. A proposta disciplina os direitos comerciais da Federação Internacional de Futebol (Fifa) na realização da Copa do Mundo de 2014 no Brasil e estabelece privilégios temporários para a entidade e seus associados durante os eventos esportivos. As regras do projeto valem também para a Copa das Confederações, que o país sediará em 2013.
A expectativa, segundo o líder do governo no Congresso, senador José Pimentel (PT-CE), é de que o projeto seja aprovado pelos senadores até o fim o primeiro semestre.
- O governo tem muito interesse na aprovação dessa matéria. Vamos aguardar a distribuição às comissões e tentar dar celeridade à Lei Geral da Copa aqui – disse Pimentel.
O presidente do Senado, José Sarney, também tem se manifestado nesse sentido. Em entrevista no último dia 21, ele afirmou que o projeto terá prioridade na Casa em razão de sua importância para o país.
O líder do PSDB, senador Alvaro Dias (PSDB-PR), também avalia que a votação será rápida no Senado, mas critica a ênfase das discussões na liberação ou não da venda de bebidas alcoólicas nos estádios. Para o parlamentar, as questões essenciais, como o andamento das obras dos estádios e de infraestrutura para os jogos estão sendo deixadas de lado no debate da proposta.
- O que se discutiu durante todo esse tempo na mídia foi se deve ser permitida a venda de cerveja nos estádios ou não. Ficam discutindo temas ligado a interesses econômicos da Fifa, um tema acessório, enquanto que o essencial foi deixado em segundo plano, como, por exemplo, o superfaturamento de obras – alertou o senador.
Leia a íntegra do projeto aprovado.
Agência Senado

Nenhum comentário: