sábado, 7 de agosto de 2021

Globo garante Marcos Mion no Caldeirão até dezembro; programa terá novo apresentador em 2022


Marcos Mion está extraoficialmente de volta à Globo após 22 anos longe do canal. Ele foi estrela do Sandy & Junior, série de sucesso da TV nos anos 1990. O ex-VJ da MTV foi contratado para o comando do Caldeirão, pelo menos, até dezembro.

A missão de Mion, no entanto, tem prazo de validade. Segundo o comunicado oficial, o novo global vai apresentar o Caldeirão até dezembro e, a partir de 2022, vai mergulhar em projetos no Multishow.

Por causa da urgência, o ex-apresentador de A Fazenda, da Record, vai ocupar provisoriamente a apresentação do programa atualmente sob o comando de Luciano Huck. A partir do ano que vem, a Globo pretende manter o programa no ar, mas com outro comunicador ou comunicadora no comando: “No Multishow, são diversos projetos para 2022, em fase de desenvolvimento, que incluem um reality, um programa semanal, transmissões de festivais e outras novidades que serão divulgadas em breve. E, até o fim do ano, ele terá ainda mais uma missão: apresentar o Caldeirão, na TV Globo, a partir de 4 de setembro. Mion apresentará uma nova versão do programa de sábado até dezembro”. 

O anúncio é um banho de água fria em André MarquesFernanda Lima e Márcio Garcia, cotados desde o início para a apresentação do novo Caldeirão.

Namoro antigo

Vale lembrar que a primeira vez que Marcos Mion foi especulado na Globo, ele tinha acabado de deixar a Record. O público pediu a ida do ex-MTV para o No Limite, mas o reality show ficou na mão de André Marques.

Na época, ele agradeceu a torcida da galera e parabenizou André pela “vitória”. “Torcendo para ser mais um paredão falso… Brincadeira!”, disse Marcos Mion. “Eu me sinto obrigado a comentar e agradecer toda essa torcida que surgiu por mim do nada! Tanto carinho”, apontou. “Obrigado a cada um de vocês! Vai com tudo André!”, desejou.

Semanas depois, a Globo tomou uma atitude drástica e dispensou Fausto Silva, o que abriu uma janela única para Marcos Mion. Encurralada pelo mercado publicitário, o Plim Plim anunciou Huck em um repaginado Domingão e deixou a vaga de apresentador do Caldeirão em aberto.

Caicó registra 07 novos casos de Covid-19 e número de confirmados é de 11.113

 


Boletim Covid-19: Caicó

Neste sábado (07), a Secretaria Municipal de Saúde vem por meio deste divulgar o registro de 07 novos casos de COVID-19 no município.

Com relação aos casos de hoje, foram 02 homens e 05 mulheres.

Os casos residem:

01- Penedo;
01- Soledade;
05-Walfredo Gurgel.

Destes, 07 foram confirmados por RT- PCR.

REFORÇAMOS a importância das medidas preventivas como distanciamento social, etiqueta respiratória, higienização das mãos e uso de máscara quando precisar sair de casa. covid19 #pandemia #Caico #smscaico #perfilepidemiologico #fiqueemcasa #SUS #apandemianaoacabou

Falecimento de Marcos Maia causa grande comoção em Jardim de Piranhas


A morte de Olavo Marcos Maia, que foi vítima de acidente automobilístico na madrugada deste sábado (07), na entrada de Jardim de Piranhas, causou grande comoção na cidade.

Muito querido na cidade de Jardim de Piranhas, Marcos era advogado e trabalhava no senado federal, em Brasília. Ele seria ser candidato a deputado distrital lá em Brasília.

Marcos Maia, que era sobrinho do deputado federal João Maia e também da Senadora Zenaide Maia, já exerceu o mandato de vereador em Jardim de Piranhas e também já foi vereador em Cidade Ocidental em Goiás.

Marcos residia atualmente em Brasília (DF) e veio acompanhado de seu sobrinho Tiego para o sepultamento de seu cunhado e esposo da ex-vereadora Jane Maia de quem era irmão.

Sobrinho do deputado federal João Maia e da Senadora Zenaide Maia morre vítima de acidente em Jardim de Piranhas


Um acidente de trânsito foi registrado, na madrugada deste sábado (7), na RN-288, entre os municípios de Caicó e Jardim de Piranhas, no interior do Rio Grande do Norte. O motorista morreu após ser jogado para fora do carro durante o capotamento. 

A vítima foi identificava como Olavo Marcos Maia, de 46 anos. Natural de Caicó, ele era sobrinho da senadora potiguar Zenaide Maia e do deputado federal João Maia. A informação foi confirmada pela assessoria da senadora. 

Olavo estava na viajando para o velório do cunhado, marcado para a manhã deste sábado, em Jardim de Piranhas.

De acordo com informações do 3° Departamento de Polícia Rodoviária Estadual (DPRE), o acidente aconteceu por volta das 2h30. Marcos Maia dirigia uma caminhonete com placas de Belo Horizonte. 

Também estava no carro um sobrinho de Olavo Marcos, filho do homem que seria sepultado. O passageiro contou que, quando já estavam próximo à cidade, Marcos tentou desviar de dois animais que estavam no asfalto e perdeu o controle da direção, capotando o carro.

O motorista foi arremessado para fora do veículo e morreu ainda no local. O passageiro não se feriu.

     Foto: Divulgação/DPRe


Mega-Sena acumulada deve pagar R$ 55 milhões neste sábado

 


O Concurso 2.397 da Mega-Sena pode pagar neste sábado (7/8) um prêmio de R$ 55 milhões para quem acertar sozinho as seis dezenas. O sorteio será realizado a partir das 20h, no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo.

As apostas podem ser feitas até as 19h nas lotéricas de todo o país, no portal Loterias Caixa e no app Loterias Caixa, além do Internet Banking para clientes do banco. O valor de uma aposta simples é R$ 4,50. O sorteio será transmitido ao vivo pelo perfil da Caixa no Facebook e no canal do youtube.

Caso apenas um apostador leve o prêmio da faixa principal e aplique todo o valor na poupança, receberá R$ 134,5 mil de rendimento no primeiro mês. Se preferir investir em automóveis, o valor seria suficiente para comprar 200 SUVs pelo preço de R$ 275 mil cada.

Brasil se perde na apatia, cai para Argentina e fica fora do pódio no vôlei masculino


O peso daquela derrota ainda era evidente. Ao entrar em quadra contra a Argentina, o Brasil precisava se livrar da ressaca da queda para evitar um fim ainda pior. Não conseguiu. Apática na maior parte do tempo, a seleção caiu para os rivais em 3 sets a 2, parciais 25/23, 20/25, 20/25, 25/17 e 15/13. Assim, fica fora do pódio no vôlei masculino nas Olimpíadas de Tóquio.

É a primeira vez que a seleção fica fora do pódio olímpico desde 2000, em Sydney. Desde então, havia chegado à decisão em todas as edições. Nas Olimpíadas na Austrália, a equipe caiu nas quartas de final justamente para a Argentina, que terminou em quarto lugar. Naquele ano, a seleção fechou a sua participação na sexta posição. Em Tóquio, França e Rússia disputam o ouro às 21h15.

– Liga das Nações é Liga das Nações, Olímpiadas é outros 500. Realmente aqui tive muitos altos e baixos, na própria Liga não comecei da melhor maneira, mas no decorrer do campeonato lá fui crescendo. E aqui realmente faltou bastante da minha parte, não era da maneira que eu esperava terminar e sair dessa competição. Uma coisa não faltou que foi dedicação, muito sacrifício, ficar longe de família, dos amigos… A gente não veio para cá passear. E agora realmente é pensar no que poderia ter feito diferente, não que vá mudar, mas acredito que cada um que estava em quadra deu seu máximo. Fiz tudo que estava no meu alcance, errei acertei, tentei, mas não foi suficiente – disse Wallace na saída da quadra.

A seleção brasileira chegou a Tóquio como grande favorita. Em quadra, porém, não conseguiu confirmar a superioridade. Ao cair nas semifinais para a Rússia, precisava recalcular a rota. Na disputa pelo bronze, porém, não conseguiu se livrar do peso da decepção. A ausência no pódio deixa marcas expostas em um grupo acostumado a vencer.

Não foi um início dos mais fáceis. Em dois bloqueios, um de Solé e outro de De Cecco, a Argentina abriu 7/5 na conta. A seleção tentava afastar qualquer apatia diante de uma busca que não era a sonhada. Àquela altura, a Argentina parecia querer mais. Em dois pontos seguidos de Facundo Conte, os Hermanos abriram 13/9.


É ouro! Malcom decide na prorrogação, Brasil vence a Espanha e conquista o bicampeonato olímpico


Yokohama é verde e amarela novamente. Mas desta vez com detalhes dourados. 19 anos após faturar o pentacampeonato mundial, o Brasil voltou à cidade japonesa para conquistar o bicampeonato olímpico. 

E foi sofrido. Diante da Espanha, o Brasil perdeu pênalti com Richarlison, conseguiu sair na frente do placar com Matheus Cunha, mas sofreu o empate de Oyarzabal e levou pressão no segundo tempo. Na prorrogação, porém, brilhou a estrela de Malcom, que deixou o banco para marcar o gol do título. 

Primeiro tempo

Os 45 minutos iniciais foram como se espera em uma final: tensos e equilibrados. A Espanha começou com mais controle, tendo a bola na maior parte do tempo, mas o Brasil foi aos poucos equilibrando as ações do jogo. Aos 16 minutos, os europeus quase abriram o placar, após cabeceio de Oyarzabal para o meio da área, que foi desviado por Diego Carlos em direção à própria meta. Porém, o zagueiro conseguiu se recuperar a tempo e tirou a bola em cima da linha. A Seleção respondeu em chutes de Douglas Luiz e Richarlison e teve a sua melhor chance aos 38 minutos. Após cobrança de falta, o goleiro Unai Simón saiu de forma estabanada e atropelou Matheus Cunha. Após revisão no VAR, o árbitro marcou pênalti, mas Richarlison isolou a bola e desperdiçou a cobrança. A equipe canarinho, porém, não sentiu o baque e conseguiu abrir o placar nos acréscimos. Claudinho cruzou, Daniel Alves evitou que a bola saísse pela linha de fundo e, após brigar com dois zagueiros, Matheus Cunha bateu colocado e mandou para as redes.

Segundo tempo

O Brasil começou melhor no segundo tempo e criou duas ótimas chances. Aos 5, Cunha acionou Antony, que avançou e chutou rasteiro, parando na defesa de Unai Simón - o atacante, porém, estava impedido. 

No minuto seguinte, após uma bela troca de passes, Richarlison recebeu dentro da área, limpou a marcação e finalizou. A bola tocou no pé do camisa 1 espanhol e bateu no travessão. Depois dos sustos, a Espanha passou a ficar mais com a bola e cresceu na partida. O controle foi premiado aos 15 minutos com o gol de empate. Na ponta direita, Bryan Gil tocou para Carlos Soler, que cruzou para Oyarzabal. 

Nas costas de Daniel Alves, ele pegou de primeira na bola, sem chances de defesa para Santos. Os europeus seguiram superiores diante de um adversário que parecia desgastado fisicamente e não fez nenhuma substituição no tempo regulamentar. La Roja ainda colocou duas bolas no travessão, com Soler e Bryan Gil, mas o empate persistiu até o fim, levando o jogo para a prorrogação.  

Prorrogação

Após 90 minutos e mais acréscimos, Jardine enfim mexeu na equipe na prorrogação. Malcom entrou no lugar de Matheus Cunha e não só renovou o fôlego da Seleção como também passou a criar as principais chances do Brasil, na ponta esquerda. E quando parecia que o 1 a 1 não sairia do placar, repetindo o enredo da final da Rio-2016, foi o camisa 17 quem decidiu. Aos dois minutos do segundo tempo, Malcom recebeu ótimo lançamento de Antony, invadiu a área e chutou forte, cruzado. A bola ainda tocou no goleiro espanhol, mas foi parar no fundo das redes. Depois disso, a pressão espanhola não foi suficiente para furar o bloqueio brasileiro, que garantiu o bicampeonato olímpico.

Por Globo Esporte 


Hebert Conceição garante o 2º ouro do Brasil no boxe em Olimpíadas

 

O boxe brasileiro é campeão olímpico na categoria peso médio masculino. É o segundo ouro da história da modalidade para o país, o segundo da Bahia.

Hebert Conceição, 23, venceu neste sábado (7), na arena Kokugigan, o ucraniano Oleksandr Khyzhniak e conquistou o primeiro lugar no pódio.

Fã de Olodum, o pugilista entrou no ringue como fez durante toda a competição, ao som de “Madiba”, música do grupo baiano que faz referência a um “nobre guerreiro”.

“Sempre entro para lutar com esse grande hino porque no século 21 a gente ainda convive com casos de racismo”, protestou o brasileiro.

Os Jogos de Tóquio já são históricos para o boxe do Brasil. Bia Ferreira luta neste domingo (8) e busca ser a primeira brasileira campeã olímpica no esporte.Nunca o país havia chegado em duas finais na mesma edição do evento.

O único ouro brasileiro no boxe olímpico até então era de Robson Conceição, na Rio-2016.

O campeão da Tóquio-2020 teve apoio de artistas ao longo da campanha no Japão.

“Grandes artistas da Bahia me gravaram vídeos, o que me incentivou muito e fez-me sentir muito especial.”

A banda Olodum, o Denny, do Timbalada, o compadre Washington também. Ivete Sangalo também me seguiu no Instagram”, contou o lutador, que agradeceu pelos recados.

Conceição é cria de um dos maiores nomes da modalidade, o ex-campeão mundial Luiz Dórea, fundador da Academia Champions, para quem “a Bahia é coração do boxe no Brasil”.

Hebert Conceição foi o motivo de “rocambole” ter virado uma expressão na delegação.

Quando ganhou as quartas de final, saiu comemorando em direção à câmera de televisão.

“Eu sou medalhista olímpico, caralho! Eu mereço pra caralho! Nós trabalhamos pra caralho, porra!”, disse.

Os palavrões, no entanto, geraram reclamações por parte do COI (Comitê Olímpico Internacional).

A comissão técnica, então, escolheu outra palavra para substituir a palavra censurada. Decidiu usar “rocambol”. Quando ganhou a semifinal, Bia Ferreira gritou: “É Brasil, rocambole!”.

Isaquias Queiroz é ouro na canoagem de velocidade

 


Isaquias Queiroz fez história na noite desta sexta-feira (6) no Canal Sea Forest. O baiano faturou a medalha de ouro na prova do C1 1000 metros (m) da canoagem de velocidade na Olimpíada de Tóquio (Japão).

Correndo na raia 4, o atleta cravou a marca de 4min04s408. O chinês Hao Liu ficou com a medalha de prata com 4min05s724. O bronze foi para Serghei Tarnovschi, da República da Moldavia, com o tempo de 4min06s069.

Essa é a 4ª medalha do atleta baiano na história das Olimpíadas. Nos Jogos de 2016 (Rio de Janeiro), ele já havia faturado duas pratas, no C1 1000 m e no C2 1000 m, e o bronze no C1 200 m. Agora o baiano se iguala ao líbero Serginho e ao nadador Gustavo Borges, dupla que também tem quatro medalhas olímpicas na carreira.

“Muito feliz de poder ganhar essa medalha de ouro para o Brasil. Uma emoção muito grande, me dediquei muito desde 2016 até o exato momento. A medalha no C2 não veio. Nosso objetivo era representar nosso querido treinador, Jesus Morlán, que faleceu em 2018 e conquistou 9 medalhas importantes, com essa de hoje, na nossa carreira. Muito feliz de poder realizar esse sonho”, disse o atleta baiano, ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB), após a prova.

Além disso, Isaquias falou que já pensa nos Jogos de 2024 (Paris), onde espera ampliar seu número de conquistas olímpicas: “Sabíamos desde o início que essa medalha era minha, não tinha como alguém tomar de mim. Mostrei isso na semifinal e na final. Agora é ir para casa, me casar, curtir as férias e começar a pensar em Paris. Volto a repetir, não vou a Paris a passeio, vou para fazer o que fiz aqui, brigar pelas medalhas e representar bem o país”.


Fora do ar, Adriana Araújo está em negociações avançadas com a Band

 


Sem vínculo com nenhuma TV desde o fim do seu acordo com a Record, Adriana Araújo abriu negociações com a Band. A jornalista passou os últimos 15 anos como funcionária do canal do bispo Edir Macedo.

De acordo com as informações do jornalista Flávio Ricco, do R7, a conversa entre a ex-âncora do Jornal da Record e Band entrou em um estágio avançado. Nos bastidores, funcionários estão apostando que a assinatura do acordo vai acontecer nos próximos dias.

Adriana Araújo era contratada da Record desde 2006, quando deixou a Globo após 11 anos como repórter. A famosa esteve à frente do Jornal da Record por dois períodos, antes e depois de Ana Paula Padrão. Ela também foi correspondente da TV ligada à Igreja Universal nos Estados Unidos.

A sua demissão foi oficializada em março deste ano. Desde então, ela foi alvo de rumores. Enquanto alguns apostavam em sua ida para a CNN Brasil, na TV por assinatura, outros cravavam o seu contrato com a Band.

Em seu texto de despedida, a repórter destacou os dois lados, positivo e negativo, da sua passagem pelo canal. “Vou me lembrar de implicar com o teleprompter porque queria contar as notícias e não ler as notícias. A birra persiste”, contou.

“Vou me lembrar que recebi a confiança de muitos. Mas não de todos. Algumas vezes ouvi: ‘Mas você era só uma repórter na TV Globo’. E apenas segui em frente pensando: ‘Eles ainda desconhecem a força de um repórter'”, alfinetou.

Caso o casamento seja concretizado, Adriana Araújo voltará ao ar com pelo menos uma dose da vacina contra a Covid-19 no braço. Em junho, a jornalista revelou aos fãs que tomou a primeira dose do imunizante.

“Fechei os olhos e apenas agradeci. Ao SUS, ao Butantan, a todos que estão na linha de frente nos postos de vacinação e dentro dos hospitais. Lamento muito que o descaso e o desrespeito à vida e à ciência impediram que a vacina chegasse mais cedo, a tempo de salvar muitas vidas. Mas seguirei firme, de máscara, sorrindo e agradecendo com os olhos. Não há mal que dure para sempre. Vai passar”, escreveu na época. Por RD1 

Novo programa assistencialista pode pagar R$ 400 de benefício

 


O Governo Federal voltou a falar na reformulação do atual Bolsa Família. O valor do benefício pode chegar a R$ 400 e o nome deve mudar também. Atualmente, o benefício é de R$ 190 aos participantes do programa.

Além de aumentar o valor do Bolsa Família, a pretensão também é ampliar o número de beneficiários. O presidente brasileiro busca turbinar o benefício e atender cerca de 20 milhões de famílias ainda este ano.

Atualmente, 14,6 milhões de famílias são atendidas pelo programa social. Assim, de acordo com os planos mencionados, a meta é atender mais 5,4 milhões de famílias brasileiras. Enquanto o valor seria reajustado em mais de 50%.

Os ministros Ciro Nogueira (Casa Civil) e Flavia Arruda (Secretaria de Governo) apresentaram a nova proposta. O texto foi levado aos presidentes do Senado e da Câmara na segunda-feira (2). A criação do novo programa e o parcelamento de precatórios devem viabilizar a ampliação do benefício.

Ainda no final de 2020, a estimativa de aumento foi declarada na proposta de Lei Orçamentária (LDO) enviado ao Legislativo. Ela previa um aumento de 18,22% no Bolsa Família. Dessa forma, o Governo passaria a investir R$ 34,8 bilhões no programa. Contudo, com o reajuste deve ser ainda maior.

Em contrapartida, a equipe econômica do governo insiste na ideia inicial. O novo valor especulado para o Bolsa Família era de R$ 300. O programa também deve mudar de nome e se chamar Auxílio Brasil.

O custo anterior necessário para manter o pagamento dos benefícios era de R$ 29,4 bilhões. Em declarações do Ministério da Economia, a alta nos investimentos sociais se deve às complicações causadas pela pandemia no setor socioeconômico.

Manobra para começar 2022 com o “pé direito”

Bolsonaro era crítico do Bolsa Família, principalmente pelo fato do programa ter se popularizado na gestão do PT. Apesar de sua criação ser anterior e ter como representante o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

Os críticos e analistas políticos veem um apelo popular com vistas nas Eleições de 2022. Os especialistas alertam para manobras parecidas feitas no passado utilizando o próprio Bolsa Família. Seja na sua criação já próximo de um processo eleitoral, ou em situações geradas pelos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff (PT).

Em 2020, o presidente conseguiu observar a melhora na avaliação de seu governo após criar o auxílio emergencial de R$ 300. O valor foi reajustado para R$ 600 após modificações do Legislativo. Assim, o auxílio foi repassado para 68,2 milhões de brasileiros.

Especialistas dizem que ampliar o Bolsa Família soa como uma possível jogada política. Ainda mais se levar em consideração a possível mudança do nome do programa.

quinta-feira, 5 de agosto de 2021

Juliette Freire anuncia que lançara seu primeiro EP ainda neste semestre


Juliette Freire, 31, anunciou que lançara seu primeiro EP ainda neste semestre, o que será o início oficial da carreira da campeã do BBB 21 (Globo) como cantora. O trabalho completo, que contará com seis canções inéditas, compostas por músicos paraibanos e nomes conhecidos no cenário nacional, será disponibilizado nas plataformas digitais até o fim do ano.⠀

A notícia foi dada pelo portal hugogloss.com, que contou ainda que tem sido emocionante para Juliette trabalhar no projeto. “Sempre gostei de música e de cantar. A arte tem um espaço especial no meu coração. É uma emoção gigante criar esse projeto, meu primeiro, ao lado de pessoas tão importantes e talentosas. Construir todo esse meu universo é um sonho. Estou contando as horas para poder dividir isso com todo mundo”, afirmou a advogada e maquiadora paraibana.⠀
Juliette encantou muitos com sua voz durante o BBB, e ao deixar a casa mais vigiada do Brasil fez lives com grandes nomes da música brasileira, como Gilberto Gil, 79, e Elba Ramalho, 69, no entanto, ela afirma que chegou a se arrepender de participar das transmissões.⠀
"Foi um desafio muito grande. Tremi na base. Cheguei a me arrepender de fazer as lives. Óbvio que fiz por gratidão ao nordeste e aos cantores, mas dei um passo maior do que a perna", contou ela em seu documentário "Você Nunca Esteve Sozinha" (Globoplay).⠀
No episódio, a advogada e maquiadora é filmada nos ensaios com Elba Ramalho, para a live de arraiá de Wesley Safadão, 32. "Fui muito doida de fazer isso. Mas deu certo eu acho. Agora é estudar. Acabou live. Só volto a cantar quando eu realmente estiver pronta", completou.⠀

Na Band, Faustão entrará no ar de segunda a sexta-feira



O novo programa de Fausto Silva na Band já está sendo estruturado. De acordo com Cristina Padiglione, da Folha de S. Paulo, a atração está sendo preparada para a faixa das 20h30 às 22h, de segunda a sexta-feira.

O novo programa entrará no ar após o bem cotado Jornal da Band, que sucede o Brasil Urgente, dono de uma das maiores audiências da emissora.

Além de Chris Gomes, diretor do Domingão do Faustão que já tinha deixado a Globo em maio, a fim de preparar o futuro programa do apresentador, mais dois profissionais estão trocando de canal: José Armando Vanucci, redator-final do Domingão, e Beto Silva, diretor da Super Dança dos Famosos, que deixará a Globo no final do mês.

SITE DA REVISTA ISTOÉ DESTACA O SUCESSO DE CREMOSINHO: Sempre com sorriso no rosto, Cremosinho conquista o Brasil com seu humor


A internet criou possibilidades para muitas pessoas conquistarem seu espaço e cativarem pessoas através de seus trabalhos. Um desses casos é do humorista potiguar Cremosinho, grande sucesso nas redes sociais. Depois de ficar marcado na história do YouTube com seu vídeo onde cantava “xenhehém”, o artista seguiu sua caminhada na criação de conteúdo e voltou a ter atenção dos brasileiros com seus vídeos.

A trajetória, porém, não foi nada fácil para o humorista. Ele chegou a participar do programa do Ratinho, um de seus maiores sonhos, mas enfrentou um quadro depressivo que quase o tirou do ramo do entretenimento. Em novembro de 2020, o influenciador e YouTuber Toguro convidou o potiguar para participar de seus vídeos no canal “Mansão Maromba” e colocou novamente Cremosinho no centro das atenções da internet brasileira.

“Eu sempre fui extrovertido e engraçado, sempre exaltavam isso em mim. Sempre digo que não escolhi o humor, foi ele que me escolheu. Amo meu trabalho, porque é muito bom receber o carinho das pessoas, mas tem horas que é bastante complicado. É muita inveja ao redor, a saúde mental fica muito afetada, ainda mais longe da família. Por isso é importante nunca desistir dos nossos sonhos, agarrar as oportunidades que a vida dá e sempre que puder investir no trabalho. Seja com cursos ou equipamentos. Nunca deixar a tristeza tomar conta da vida e entender que somos maiores que tudo isso”, disse.

Sucesso nas redes sociais, Cremosinho também tem o sonho de expandir ainda mais seu alcance, principalmente com a volta dos eventos presenciais.

“Eu acredito que influencio as pessoas arrancando o sorriso delas, mesmo em dias ruins. Por isso, quero quanto antes começar a fazer shows de stand up, alguns shows com o forró escoliose. Tudo para lotar e arrancar a gargalhada do público que tanto me ajuda no dia a dia”, finalizou.

Fonte: Site da Revista IstoÉ 

ABC e Flamengo se enfrentam na Arena das Dunas nesta quinta-feira


O ABC encara o Flamengo, nesta quinta-feira (5), em partida de volta pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O jogo acontece a partir das 21h30, na Arena das Dunas, em Natal. No primeiro confronto, no Estádio Maracanã, o time potiguar perdeu de 6 a 0 contra o carioca. Apesar do resultado desfavorável, o clube Alvinegro se prepara para a nova missão.

Ontem (4), o técnico Moacir Júnior comandou a última atividade preparatória para o compromisso desta quinta-feira. O treinador paralisou as jogadas várias vezes para corrigir detalhes e acertar o posicionamento defensivo e ofensivo da equipe, como aproveitou para fazer testes e observações na formação principal.

Mais uma vez, o zagueiro Ramon Baiano e o meia atacante Negueba não jogarão a partida. Eles continuam sob os cuidados dos médicos e fisioterapeutas, em tratamento intensivo. O atacante Soares segue em recuperação e vai intensificando os trabalhos físicos para recuperar o condicionamento.

No caso do Flamengo, o técnico Renato Gaúcho, Gabigol e os principais jogadores não viajaram para Natal. Com a vitória recente, a equipe decidiu ficar no Rio de Janeiro, treinando o elenco principal. Para a partida contra o ABC, o Rubro-negro será comandado pelo auxiliar Marcello Salles. Pedro, Michael e Vitinho devem começar a partida como titulares.

Depois desse compromisso, o Flamengo encara o Internacional no domingo (8), pelo Brasileiração. Enquanto o ABC enfrenta o Caucaia-CE pela série D, competição em que lidera o grupo A3. Em Natal, a Rádio CBN transmite ABC X Flamengo, a partir das 21h30. Sintonize na rádio 91.1 FM e acompanhe pelo canal do Youtube.com/CBNNatal

Snoop Dogg: Astro da música rap americana compartilha vídeo do humorista caicoense Cremosinho


Um dos maiores astros da música rap americana, Snoop Dogg compartilhou um vídeo em seu feed no Instagram, onde o humorista caicoense Cremosinho faz uma participação com a Ruivinha de Marte.

Snoop Dogg tem 63,5 milhões de seguidores em sua página no Instagram. Conhecido pelos nomes artísticos Snoop Doggy Dogg, Snoop Dogg, Snoop Lion e Snoopzilla é um rapper, cantor, compositor, produtor musical e ator americano. Em toda sua carreira Snoop já vendeu mais de 60 milhões de discos pelo mundo, tendo sua carreira iniciada em 1990, quando foi descoberto pelo rapper Dr. Dre, e colaborou com ele no single Deep Cover, e em quase todas as faixas do álbum de estreia de Dre, The Chronic Após suas últimas colaborações com Dre, Snoop ganhou status superstar do Hip Hop estadunidense.

Cremosinho vem se destacando nas redes sociais através do seu trabalho como humorista, onde já foi destaque no Programa do Ratinho, no SBT e vem fazendo participações especiais no programa HORA DO FARO, com Rodrigo Faro na RECORDTV aos domingos.

Atualmente, Cremosinho reside em São Paulo, na Mansão Maromba, um projeto cultural que reúne produtores de conteúdo de todo o Brasil em um local construído especialmente para produção de vídeos. O vídeo de Cremosinho compartilhado por Snoop Dogg pode ser conferido no seguinte link do Instagram: https://www.instagram.com/p/CSMpRfDFJkN/

quarta-feira, 4 de agosto de 2021

Brasil bate russas de virada e avança à semifinal do vôlei feminino em Tóquio



Sob os olhares da nadadora Ana Marcela Cunha, que horas antes havia conquistado a medalha de ouro na maratona aquática, mas deixou o cansaço de lado para marcar presença nas arquibancadas da Ariake Arena, a seleção brasileira feminina de vôlei segue firme em busca do tricampeonato olímpico nos Jogos de Tóquio-2020. Nesta quarta-feira, a equipe bateu o Comitê Olímpico Russo por 3 sets a 1 - parciais de 23/25, 25/21, 25/19 e 25/22 - e avançou à semifinal. A próxima adversária é a Coreia do Sul, equipe que o Brasil já ganhou na primeira fase da competição.

Após os 100% de aproveitamento na primeira fase, a seleção brasileira teve nesta quarta-feira o seu jogo mais complicado, diante de um rival fortíssimo, mas soube se impor para vencer de virada em grande estilo. Destaque para a volta da levantadora Macris, que estava fora desde a partida contra o Japão, quando sofreu uma entorse no tornozelo direito. Com ela em quadra, o Brasil subiu de produção e chega embalado à semifinal. A efusiva comemoração do técnico José Roberto Guimarães após o fim do jogo correndo em direção à arquibancada dá a dimensão da importância dessa vitória para o moral do grupo.

O começo do jogo, porém, não foi bom para o Brasil. O Comitê Olímpico Russo logo abriu 4 a 0 no primeiro set. O início ruim complicou o jogo da seleção brasileira, que ficou o tempo todo atrás no placar. A equipe até ensaiou uma pressão com Fernanda Garay e Carol, mas não durou muito. Diante de um jogo bastante agressivo das russas, o Brasil teve muita dificuldade no ataque para vencer o forte bloqueio russo e cometeu também alguns erros no passe. Assim, perdeu a primeira parcial por 25 a 23.

No segundo set, o Brasil continuou sem conseguir encaixar uma boa sequência de ataques. Àquela altura do jogo, Tandara, por exemplo, estava com apenas quatro pontos em 15 ataques. O Comitê Olímpico Russo controlou o jogo pelas mãos de Fedorovtseva e abriu vantagem na dianteira, com 14 a 8 no placar. Zé Roberto Guimarães mexeu no time e mandou para quadra Rosamaria e Macris. O Brasil reagiu, contou com alguns erros das russas, foi buscar a virada e ganhou por 25 a 21.

Ao contrário dos sets anteriores, na terceira parcial foi o Brasil que começou melhor. Após ace de Carol Gattaz, a seleção abriu 7 a 4. Muito do bom momento era graças à entrada de Macris. Ela mudou a dinâmica do jogo da seleção e deu mais velocidade à equipe. Falhas na recepção permitiram que o Comitê Olímpico Russo crescesse na partida, mas não ao ponto de segurar o ataque brasileiro, que fechou em 25 a 19.

O quarto set foi muito equilibrado, disputado ponto a ponto. O Brasil só conseguiu abrir uma vantagem um pouco mais confortável depois de um ace de Rosamaria, com 15 a 12. Mas a seleção sofreu um "apagão" e o Comitê Olímpico Russo virou para 17 a 15. Na reta final, na base da raça e superação, o Brasil ganhou a parcial e o jogo por 25 a 22.

MEC divulga lista de pré-selecionados para Fies do segundo semestre


O Ministério da Educação (MEC) divulgou no fim da noite dessa terça-feira (3), a relação dos candidatos pré-selecionados em chamada única ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o segundo semestre de 2021. O resultado está disponível na página do Fies.

A seleção assegura apenas a expectativa de direito à vaga, já a contratação do financiamento está sujeita às demais regras e procedimentos de formalização do contrato. O prazo para complementação das informações da inscrição começa hoje (4) e vai até sexta-feira (6).

Os estudantes não pré-selecionado foram automaticamente incluídos em lista de espera, observada classificação. Considerando que não existe novo ranqueamento, após a publicação do resultado da chamada única, os participantes da lista de espera, deverão, obrigatoriamente, acompanhar sua eventual pré-seleção.

Nesse caso, os candidatos deverão complementar sua inscrição no prazo de três dias úteis, contados do dia subsequente ao da divulgação de sua pré-seleção no sistema. O prazo final para a lista de espera é 31 de agosto.

Em 2021 o Fies teve a oferta total de 93 mil vagas. Nesta seleção do segundo semestre, estão disponíveis 69 mil vagas distribuídas em 23.320 cursos de 1.324 instituições privadas de ensino superior. Caso hajam vagas remanescentes, não ocupadas na chamada única, o MEC poderá fazer nova seleção.

Para ter acesso ao fundo, é necessário ter renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos e ter participado de uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a partir de 2010, obtendo no mínimo 450 pontos na média das cinco provas do exame e não ter zerado a prova de redação.

O Fies é o programa do governo federal que tem o objetivo de facilitar o acesso ao crédito para financiamento de cursos de ensino superior oferecidos por instituições privadas aderentes ao programa. Criado em 1999, ele é ofertado em duas modalidades desde 2018, por meio do Fies e do Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies).

O primeiro é operado pelo governo federal, sem incidência de juros, para estudantes que têm renda familiar de até três salários mínimos por pessoa; o percentual máximo do valor do curso financiado é definido de acordo com a renda familiar e os encargos educacionais cobrados pelas instituições de ensino.

Já o P-Fies tem regras específicas, sem seleção, e funciona com recursos dos fundos constitucionais e dos bancos privados participantes, o que implica cobrança de juros.

Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio acumulado em R$ 46 milhões


A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (4) um prêmio acumulado em R$ 46 milhões. As seis dezenas do concurso 2.396 serão sorteadas a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário do Tietê, na cidade de São Paulo.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), nas lojas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet.

Caso apenas um apostador leve o prêmio da faixa principal e aplique todo o valor na poupança receberá R$ 112,5 mil de rendimento no primeiro mês. A aposta simples, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50.

Loteca
O prêmio do concurso 949 da Loteca, modalidade para palpites de resultados de futebol, está acumulado e pode pagar R$ 1,6 milhão para quem acertar os 14 pontos. As apostas podem ser feitas até as 14h deste sábado (7).

Para apostar, verifique a programação com as 14 partidas selecionadas das Séries A, B e C destes sábado e domingo (8) e registre seu palpite. As apostas podem ser nas casas lotéricas ou no portal Loterias Caixa.

A aposta simples custa R$ 3 e dá direito a marcar um palpite a mais em uma das 14 partidas; assim, o apostador aumenta suas chances de acerto ao marcar dois times como vencedor, ou um time vencedor e o empate.

Quanto mais duplos e triplos (cobrindo os três resultados possíveis em uma partida) marcar, maiores são as chances de ganhar e, consequentemente, maior será o preço da aposta.

Trabalhadores nascidos em março podem sacar auxílio emergencial

 


Trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos em março podem sacar, a partir de hoje (4), a quarta parcela do auxílio emergencial 2021. O dinheiro foi depositado nas contas poupança digitais da Caixa Econômica Federal em 20 de julho.

Os recursos também podem ser transferidos para uma conta-corrente, sem custos para o usuário. Até agora, o dinheiro apenas podia ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), de boletos, compras em lojas virtuais ou compras com o código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de estabelecimentos parceiros.

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br.

O saque originalmente estava previsto para ocorrer em 19 de agosto, mas foi antecipado em duas semanas por decisão da Caixa. Segundo o banco, a adaptação dos sistemas tecnológicos e dos beneficiários ao sistema de pagamento do auxílio emergencial permitiu o adiantamento do calendário.

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo governo federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro de 2020 em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Neste ano, a nova rodada de pagamentos, durante sete meses, prevê parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

Regras

Pelas regras estabelecidas, o auxílio é pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. É necessário que o beneficiário já tenha sido considerado elegível até o mês de dezembro de 2020, pois não há nova fase de inscrições. Para quem recebe o Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso, seja a parcela paga no programa social, seja a do auxílio emergencial.

O programa se encerraria com a quarta parcela, depositada em julho e sacada em agosto, mas foi prorrogado até outubro, com os mesmos valores para o benefício.