quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Vasco vence o Coritiba, faz as pazes com a vitória e encosta novamente nos líderes

Após a goleada sofrida na última rodada, o Vasco não quis saber de vacilar mais uma vez na sua caminhada rumo à liderança do Campeonato Brasileiro. Jogando em casa, o time venceu o Coritiba por 2 a 0, fez as pazes com a vitória e chegou aos 41 pontos na tabela do Campeonato Brasileiro, perdendo a liderança para o São Paulo apenas no saldo de gols, oito dos paulistas contra seis dos vascaínos.

Juninho Pernambucano, que esteve em noite inspiradíssima, e Rômulo, recém convocado para a seleção brasileira, marcaram os gols e fizeram a festa da torcida cruzmaltina em São Januário.

Embalado e de olho na liderança isolada, o Vasco volta a campo no próximo domingo, às 16h, em Florianópolis, para encarar o Figueirense, pela vigésima terceira rodada da competição. Enquanto isso, o Coritiba recebe o Botafogo, no Couto Pereira, também no domingo, no mesmo horário, na sequência do campeonato.

Apesar da necessidade de voltar a vencer para se aproximar da ponta da tabela, o Vasco começou o jogo muito mal e viu o Coritiba dominar as ações iniciais da partida. Sem qualquer organização tática e com muitos erros de passe, o time carioca não se encontrava em campo e apenas observava o adversário criar as melhores chances.

Sem posse de bola, o jeito para os cruzmaltinos era apostar nas bolas paradas e no talento individual de alguns dos seus principais jogadores. E foi desta combinação que saiu o primeiro gol do time. Em cobrança perfeita de falta, aos 28 minutos, Juninho abriu o placar e tirou o Vasco do sufoco.

Com o gol marcado, o time vascaíno ganhou a tranquilidade que precisava para controlar o jogo. A equipe de São Januário chegava com mais frequência ao ataque e chegou a ter um gol anulado logo em seguida, aos 34 minutos, quando Elton estava em posição irregular.  Nervoso, o Coritiba apelou para faltas mais duras e não conseguiu igualar o marcador na primeira etapa, indo para o intervalo atrás do marcador.

Na volta para o segundo tempo, mesmo com as mudanças do técnico Marcelo Oliveira, o Coritiba não conseguia se reencontrar no jogo. Tranquilo e aproveitando a excelente atuação de Juninho Pernambucano, o Vasco conseguiu ampliar o marcador, e novamente de bola parada. Aos 9 minutos, o "Reizinho" cobrou mais uma bela falta pelo lado esquerdo do ataque e Rômulo cabeceou sozinho dentro da área para fazer 2 a 0.

O gol, mais uma vez, abalou o Coritiba e impediu qualquer chance de reação do time alviverde. Tranquilo em campo e com a vantagem no marcador, o Vasco trocou passes e esperou o tempo passar para confirmar a boa vitória. No final, um susto com Renato Silva, que sofreu uma pancada na cabeça e ficou desmaiado por alguns instantes. Mas nada que atrapalhasse a boa vitória, que deixou o time cada vez mais próximo do topo da tabela.

Do UOL Esporte
No Rio de Janeiro

Nenhum comentário: